[Livro] A Delicadeza, de David Foenkinos

downloadJá meio atrasada, venho indicar esse livro perfeito para o dia dos namorados. Mas, não pensem em algo muito clichê, como um amor que não é correspondido até que finalmente dois distantes se tornam recíprocos. A Delicadeza, de David Foenkinos, vai além, e transforma o amor em uma incógnita diante de certos fatos.

Em A Delicadeza temos a história de uma jovem chamada Nathalie (Nathalies costumam ser nostálgicas) que em um dia qualquer acaba esbarrando com um homem chamado François, e ambos vivem a situação almejada por muitos, o tal do amor à primeira vista. Depois de alguns anos juntos, uma tragédia ocorre e causa tumulto na vida de Nathalie. François é atropelado enquanto corria. E nesse instante a história vai focar na jovem, que depois do triste acontecido se vê sozinha, confusa e cercada de olhares de amigos e familiares que não a agradam. Ao refletir todos os dias sobre o porquê das coisas, Nathalie se aproxima de um homem tímido, conhecido por ter decepções amorosas, e ambos compartilham de sentimentos que eles não esperavam.

”todos estavam presentes no dia do enterro. Todos na região onde François passara a infância. Ele ficaria contente com essa multidão toda, pensava ela. Não, nada disso, é um absurdo pensar esse tipo de coisa. Como é que um morto pode ficar contente com qualquer coisa que seja? Naquele processo de decomposição entre quatro tábuas, como poderia estar feliz? Caminhando atrás do caixão, cercada por seus próximos, Nathalie teve outro pensamento: são os mesmos convidados do nosso casamento. É mesmo, estão todos aqui. Exatamente igual. Passados alguns anos, estamos todos juntos novamente, e alguns usam a mesma roupa. Tiraram do armário aquele único traje escuro, válido tanto para a alegria quanto para a tristeza. Uma única diferença: o tempo. Hoje o dia está lindo, faz quase calor. Algo absurdo para um dia de fevereiro. Sim, o sol brilhou o tempo todo.”

A Delicadeza é um livro cheio de surpresas e momentos que causam sensações diversas no leitor. David Foenkinos nos transmite um ambiente extremamente real, os personagens, diante das descrições do escritor parecem se fazer presentes na nossa realidade, não é à toa que em algumas partes do livro o autor nos revela algumas músicas que estão sendo tocadas no momento em que os personagens vivenciam algo. Para quem gosta de narrativas com um tom poético esse é um prato cheio, o livro se encontra em um espaço onde as linhas de um parágrafo parecem versos que explodem sentimentos e reflexões em quem os lê. Recomendo, principalmente, para quem adora explorar o universo francês nos livros.

Editora: Rocco

Páginas: 192

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s